terça-feira, 14 de janeiro de 2014

MEIO AMBIENTE: Cresce número de empresas que prestam consultoria em meio ambietal

A preocupação ambiental em qualquer obra seja pública ou privada faz com que o segmento registre crescimento no último ano e tenha boas perspectivas para o ano que inicia. O objetivo das empresas é auxiliar e orientar empresários ou investidores públicos na área. O projeto da nova diretoria do Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva (Sinaenco - RS) empossada no final de 2013 é conseguir se inserir nos principais foros de discussão de meio ambiente.

- É de suma importância que as empresas de consultoria participem, por exemplo, do Conselho de Meio Ambiente, para darem a sua contribuição. Além disso, temos grande expectativa de atuação no processo de reestruturação da FEPAM - comenta o vice-presidente de Relações Trabalhistas e Assuntos Intersindicais do Sinaenco-RS, Júlio Moretti Gross.

Um dos maiores interesses é construir soluções para que o processo de emissão de licenças e a tramitação de processos aconteçam de forma mais ágil no estado. Para isso, é fundamental que existam pessoas e empresas capacitadas de modo a contribuir para que as etapas sejam minimizadas em tempo. Esse processo deve contemplar a questão de proteção ambiental e ao mesmo tempo respeitar os prazos necessários para o investidor.

Não há uma estimativa exata do número de empresas em atuação na área de consultoria em meio ambiente hoje, no Rio Grande do Sul. A estimativa, porém, é que no período de 5 anos, esse número tenha aumentado em dez vezes. A intenção do Sinaenco-RS é organizar esse cadastramento incentivando a participação dessas empresas no Sindicato, o que ofereceria dados mais concretos sobre o segmento no estado. 

Informações para a Imprensa:

Sobre o Sinaenco/RS

O Sinaenco-RS é a secção no Rio Grande do Sul do Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva. Abrange as empresas que prestam serviços de planejamento, estudos, planos, pesquisas, projetos, controles, gerenciamento, supervisão técnica, inspeção, diligenciamento e fiscalização de empreendimentos relativos à arquitetura e à engenharia. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui